jump to navigation

Sobre o blog

Adotar uma cultura de mercado é fundamental num mundo cada vez mais globalizado. As novas tecnologias aliadas à globalização econômica têm impacto sobre o sucesso ou fracasso das micro e pequenas empresas (MPE). As fronteiras se ampliam e a concorrência se intensifica: um mundo crescente de ameaças e oportunidades.

Nesse contexto, a adoção de uma cultura de mercado, ou seja, a incorporação de estratégias voltadas para o mercado, tem se mostrado uma opção acertada para grandes e pequenos empreendimentos que desejam manter e ampliar seus níveis de competitividade.

O Mercado ao seu Alcance é um espaço de debate e intercâmbio de informações sobre a cultura de mercado. Mantido pela equipe da Unidade de Acesso a Mercados e Serviços Financeiros do Sebrae Nacional, o blog tem o objetivo de ajudar as MPEs a se adequarem às exigências do mercado e se tornarem mais competitivas.

Especialistas, empresários e o público em geral também podem interagir acerca dos principais temas de promoção comercial, mercados internacionais e estratégias de mercado. Além disso, saber mais sobre temas como compras governamentais, novos instrumentos de inteligência comercial, e-procurement e comércio justo.

Anúncios

Comentários»

1. João Batista Capaz - 19/04/2010

Gostaria de um parecer acerca de dois posicionamentos clássicos e também antagônicos:

VENDER POUCO E VENDER BEM ou VENDER MUITO COM MARGEM DE LUCRO MENOR?

Nosso Gerente de compras, aliás um competente comprador, veio de uma loja onde trabalhou 80% de seu tempo laborial e aonde prevalecia a máxima de “Vender pouco e vender bem”. Isto, acrescentado ao seu testemunho de que lá deu certo com a prosperidade daquele empresário, constitui hoje uma barreira a ser superada na implementação de uma nova filosofia de trabalho na nossa loja.

Adotamos uma política de precificação de TABELA, Á VISTA e PREÇO MÍNIMO onde prevalece a regra de nunca perder um orçamento, dentro da realidade de mercado. A presente tabela possibilita-nos vender até 5 vezes “sem juros” com entrada. Eliminamos a antiga prática de colocar juros em vendas a prazo. Hoje, falar em juros na loja é proibido, exceto algum juros de mora por um atraso considerável em parcelas do nosso pequeno crediário.

Quando colocamos a situação de vender nesta modalidade X vezes no cartão e, se preciso, transformar em recebíveis, nosso Gerente de Compras não se conforma!

O que pedimos é um embassamento mais técnico e competente que possa confirmar uma ou outra postura ou mesmo, uma terceira via. Existe uma natural tensão devido a uma questão conceitual tipo “Tostines vende mais porque é fresquinho ou é fresquinho porque vende mais”. Precisamos nos posicionar melhor e, se possível, em cima de um consenso para que nossa loja evolua pois, no presente momento, tem alguns querendo acelerar e outros freiar com o receio de lucrar pouco ou mesmo dar algum prejuízo.

Diante da situação exposta, nossas vendas estagnaram num patamar onde dá algum lucro e risco quase Zero, mas queremos evoluir e mudar de patamar. O que fazer?

Cidade: Itajubá
Estado: Minas Gerais
Ramo de atuação: Loja Material de Construção
Tipo de produto/serviço que oferece: Material de Construção
Porte da empresa: pequena
Nº de funcionários: 10
Tempo de existência: 8 anos

Pedro Valadares - 04/05/2010

Bom dia, João,

No seu caso, uma saída poderia ser investir em novos públicos-alvo. Você poderia, por exemplo, contratar um arquiteto para prestar consultoria para os clientes, incrementando seu produto. Outra medida poderia ser a implantação, não sei se vocês já possuem, de um serviço de pós-venda, consultando o cliente sobre a satisfação com o produto.Isso fortaleciria a fidelização do cliente, criando uma base para expansão de mercados. Você também poderia buscar financiamentos específicos para a área de material de construção que alguns bancos disponibilizam.

Existem algumas orientações para ações em mercados:

1 – Vender mais do produto atual para o cliente atual. (Parece-me ser este o caso de sua empresa)
2 – Vender um novo produto para o cliente atual. ( Essa pode ser uma saída para você, já que, pela sua descrição, vocês parecem te rum público consumidor constituído).

Contudo, antes de realizar qualquer ação você deve elaborar um diagnóstico de sua empresa e, posteriormente, um planejamento para as ações que pretende tomar. Você pode usar um modelo chamado FOFA que consiste em identificar os fatores internos (pontos fortes e fracos) e externos (oportunidades e ameaças). Lembre-se os pontos fortes e fracos, as oportunidades e ameaças devem ser analisadas em relação em relação às necessidades do seu mercado-alvo ( ou do que você você pretende atingir futuramente) e à concorrência de mercado. Essa análise ajudará sua empresa a identificar o que contribui para o sucesso dela e onde pode fazer melhorias.

Existem quatro principais orientações

2. Austin Dwi - 05/07/2010

Contudo, antes de realizar qualquer ação você deve elaborar um diagnóstico de sua empresa e, posteriormente, um planejamento para as ações que pretende tomar. Você pode usar um modelo chamado FOFA que consiste em identificar os fatores internos (pontos fortes e fracos) e externos (oportunidades e ameaças). Lembre-se os pontos fortes e fracos, as oportunidades e ameaças devem ser analisadas em relação em relação às necessidades do seu mercado-alvo ( ou do que você você pretende atingir futuramente) e à concorrência de mercado. Essa análise ajudará sua empresa a identificar o que contribui para o sucesso dela e onde pode fazer melhorias.
+1

3. miriam - 20/03/2011

olá, boa noite
quel é a melhor maneira de divulgar uma prestação de serviço .

UAM - 21/03/2011

Oi Miriam, para poder responder de forma mais adequada queria te perguntar qual o tipo de serviço que você presta. Peço que encaminhe pelo blog que farei um post para você explorando mais o assunto. Além disso, temos informações no nosso site (http://www.sebrae.com.br/customizado/acesso-a-mercados) na aba “Divulgue seus produtos”. Ademais, você pode fazer um plano de marketing online no qual você poderá ver o que desenvolveu quanto à divulgação e outros aspectos mercadológicos da empresa, além de poder fazer um plano para trabalhar todos os aspectos; essa ferramenta está no site http://www.clickmarketing.sebrae.com.br.
Att,
Luciana Pecegueiro

4. miria - 20/03/2011

qual é a dica para melhor divulgar uma prestação de serviço para um público alvo?

UAM - 21/03/2011

Oi Miriam, resgato aqui minha resposta. Para poder responder de forma mais adequada queria te perguntar qual o tipo de serviço que você presta. Peço que encaminhe pelo blog que farei um post para você explorando mais o assunto. Além disso, temos informações no nosso site (http://www.sebrae.com.br/customizado/acesso-a-mercados) na aba “Divulgue seus produtos”. Ademais, você pode fazer um plano de marketing online no qual você poderá ver o que desenvolveu quanto à divulgação e outros aspectos mercadológicos da empresa, além de poder fazer um plano para trabalhar todos os aspectos; essa ferramenta está no site http://www.clickmarketing.sebrae.com.br.
Att,
Luciana Pecegueiro

5. Laurel - 06/06/2011

Contudo, antes de realizar qualquer ação você deve elaborar um diagnóstico de sua empresa e, posteriormente, um planejamento para as ações que pretende tomar. Você pode usar um modelo chamado FOFA que consiste em identificar os fatores internos (pontos fortes e fracos) e externos (oportunidades e ameaças). Lembre-se os pontos fortes e fracos, as oportunidades e ameaças devem ser analisadas em relação em relação às necessidades do seu mercado-alvo ( ou do que você você pretende atingir futuramente) e à concorrência de mercado. Essa análise ajudará sua empresa a identificar o que contribui para o sucesso dela e onde pode fazer melhorias.+1
+1

UAM - 06/06/2011

Oi Laurel, agradeço pela contribuição. O modelo FOFA é muito importante! Att, Luciana Pecegueiro.

6. Fábio - Porto Alegre - 19/03/2012

Muito bom este Blog! Sempre tem coisas interessantes e várias dicas para aproveitar! É do pessoal da SEBRAE mesmo?

UAMSF - 20/03/2012

Obrigada Fábio. Os autores do blog são analistas do Sebrae e jornalistas, como no caso da seção boas práticas.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: